2 métricas que realmente importam

Sócios e gestores de empresas frequentemente estão envolvidos com decisões relacionadas a investimentos. É comum que muitas destas decisões contemplem questões complexas, entretanto, existem duas métricas fundamentais e que realmente importam para decidir se um investimento deve ou não ser realizado:

  1. Quanto a empresa vai vender a mais?
  2. Quanto a empresa vai economizar?

É menos sobre negócio e mais sobre dinheiro

No livro “Business Cases that Mean Business”, Jim Maholic cita que “um bom plano de negócio é menos sobre negócio e mais sobre dinheiro”. Segundo Maholic, a maioria dos planos e projetos são bons em calcular os custos e identificar os benefícios, mas normalmente falham ao não fornecer números confiáveis sobre os benefícios financeiros do projeto.

Por que devemos?

“Por que devemos investir um pedaço do limitado capital da empresa em determinado projeto”, “Por que devemos fazer alguma coisa?” e “Por que devemos fazê-lo agora?” são perguntas recorrentes, principalmente ao entendermos que a predisposição em não fazer nada normalmente é grande.

Buscamos seguidores no Twitter, amigos no Facebook, discussões no LinkedIn e nos comunicamos com clientes e fornecedores no site, mas quantas vezes nos preocupamos em saber se o que fazemos ajuda a vender mais ou a reduzir os custos?

Falta o que é importante

É muito fácil se envolver com dezenas de métricas sem amarrá-las ao que realmente importa. Respostas como “Bem, não tenho certeza, mas vai permitir fazer isso muito mais, e aquilo vai ser muito melhor, e podemos responder mais rápido, e eu acho que, a longo prazo vai ser mais barato” não são convincentes, especialmente se a concorrência estiver respirando no seu pescoço.

É preciso estar atento a projetos que prometem “mais, melhor e mais rápido”. Estes argumentos não são claros quanto aos efeitos nas linhas de receita e ou custo. Em especial quando são projetos que exigem altos investimentos (ou custos?) da sua empresa. Não é porque “falam que é bom” ou porque “possui um marketing impactante”, que o projeto vai efetivamente ajudar sua empresa a vender mais ou reduzir custos.

E os investimentos em tecnologia?

As decisões sobre investimentos em tecnologia não são exceção a regra. Apesar do discurso e de algumas promessas exageradas de retorno sobre o investimento, um grande líder nunca deixa de buscar resposta à pergunta mais importante, e isso vale também para os investimentos em tecnologia: “como isso ajudará minha empresa a vender mais ou reduzir custos?”.